Como sofrer

Deus, na sua soberana e bondosa providência, faz com que passemos por momentos difíceis e sofridos durante a caminhada nessa vida. Mesmo como redimidos, Cristo não nos isenta da cruz do discipulado (Mt 16.24) e das aflições do mundo (Jo 16.33). Dentre muitas passagens, o Salmo 13 nos ensina uma maneira preciosa e completa de passarmos pelo sofrimento.

Primeiro, o lamento sincero ou desabafo. Nos versículos 1 e 2 o salmista geme em gritos uma indagação: “até quando, SENHOR?”. Uma oração sincera e angustiante a Deus não como uma dúvida do Seu caráter perfeito e soberano, mas numa total dependência do Único que poderia livrá-lo do mal. Davi sabe que apenas Deus pode ajudá-lo. Ele grita em lamentos e desabafos a nenhum outro a não ser ao seu Senhor, e lhe confessa seu estado.

Segundo, a súplica correta. Sendo Deus o único que poderia livrá-lo, Davi clama ao Senhor atenção, resposta e iluminação, para não ser vencido pelo inimigo e morrer (vs. 3,4). Após o lamento diante de Deus, o crente é conduzido não a estagnar em murmurações imaturas. Mas a clamar por socorro Àquele que tem todo o poder para tirá-lo da situação mais terrível, afim de que o nome de Deus seja honrado na sua vida.

Terceiro, a confiança em louvores. Por fim, os versículos 5 e 6 encerram essa oração com a parte mais importante dessa maneira bíblica de passar pelo sofrimento. Davi acabara de lamentar e suplicar a intervenção divina, e não havia ainda recebido a resposta da sua oração. Contudo, ele já demonstra confiança no caráter misericordioso e soberano do seu SENHOR, Aquele que o salvou, e que tem lhe feito muito bem. A este Deus Davi faz um voto de louvor: “cantarei ao SENHOR”. Adoração e confiança sustentam o crente durante o sofrimento.

Lamento sincero e uma súplica correta sem a confiança em louvores pode levar ao desespero e à frustração. Durante o sofrimento, continuemos confiando e adorando ao Senhor Jesus Cristo em todo o tempo, pois ele nos retribuirá segundo nossas obras (Mt 16.27), e tudo já venceu (Jo 16.33).

Rev. Renato. Publicado no Boletim 181, de 16/06/2013.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Ao navegar neste site, você aceita os cookies que usamos para melhorar sua experiência. Mais informações.