Deus é por nós

No Salmo 56.9 lemos uma declaração digna de nota: “No dia em que eu te invocar, baterão em retirada os meus inimigos; bem sei isto: que Deus é por mim”. A confiança de Davi é destacada em um verso anterior: “Em Deus, cuja palavra eu exalto, neste Deus ponho a minha confiança e nada temerei. Que me pode fazer um mortal?” (Salmo 56.4).

Leio tais palavras e penso nas dificuldades cotidianas, nas enfermidades e nos lutos; oportunidades para confiar em Deus e exaltá-lo. Ele não tem nos abandonado, mas estado conosco, ajudando-nos no enfrentamento das tribulações.

É interessante neste Salmo que Deus não impediu Davi de passar pelo sofrimento; ele o socorreu no fundo do poço. Como seguidores de Jesus Cristo, não exigimos tratamento diferenciado: “No mundo, passais por aflições; mas tende bom ânimo; eu venci o mundo” (João 16.33).

As tribulações desanimam. O desejo de todo pastor bíblico é caminhar com um povo cheio de vitalidade, no entanto, o dinamismo contínuo é uma fantasia. A igreja é uma família composta de pessoas sujeitas a intempéries e fraquezas. Ao mesmo tempo em que a comunidade do Novo Testamento era movida pelo poder do Espírito, ela era muito humana, tinha de alternar os ritmos para dar atenção aos feridos. Confirmava-se a prática do amor — os irmãos iam atendendo as necessidades uns dos outros (Atos 4.31-35; Gálatas 6.2). Na verdade este é um dos maiores milagres da graça na vida da igreja: pessoas se arrastando mas orando, contribuindo, trabalhando e adorando. Visito pessoas que não conseguem se levantar buscando forças em Deus e permanecendo firmes dia após dia. São irmãos e irmãs que podem dizer como Davi:

Contaste os meus passos quando sofri perseguições; recolheste as minhas lágrimas no teu odre; não estão elas inscritas no teu livro? (Salmo 56.8).

Isso é maravilhoso. Deus recolhe nossas lágrimas e as registra em seu livro. Realmente, em alguns momentos, não é fácil caminhar, mas a jornada se torna possível graças ao Senhor que atenta cuidadosamente para as nossas angústias e providencia, para cada um de nós, no tempo certo, o livramento.

Rev. Misael. Publicado no Boletim 027.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Ao navegar neste site, você aceita os cookies que usamos para melhorar sua experiência. Mais informações.