Deus opera apesar de nós

A avó do jovem Francisco nascera na Frígia e era de temperamento forte. Uma de suas frases preferidas era “quem está com pressa de morrer, que se enforque mais cedo!”. Muitos anos de passaram e aquele menino, que crescera ouvindo aquelas palavras, tornou-se pastor.

Anos depois ele foi convidado para pregar em uma igreja na Austrália, na qual congregavam sua cunhada e irmão. O culto prosseguia bem e ele subiu ao púlpito, a fim de enunciar a Palavra de Deus. Em um momento da mensagem, sem que notasse, repetiu o dito de sua avó ilustrando um argumento e prosseguiu no sermão, tranquilamente.

— Francisco, como você faz aquilo? Você não podia dizer aquelas palavras! — foi a primeira coisa que saiu dos lábios de sua cunhada, logo ao fim da reunião.

— O que eu disse? — perguntou o imaturo pregador.

— A frase sobre enforcar-se. Uma das irmãs da igreja suicidou-se há um mês por enforcamento, deixando marido e filhos.

O restante do dia foi dificílimo para Francisco. Ele se sentia mal e entendia que tinha de desculpar-se diante da igreja e, especialmente, da família que sofria com a perda da esposa e mãe. Na manhã seguinte, para sua surpresa, o próprio viúvo foi procurá-lo. O pregador não sabia o que dizer; tentou esclarecer que havia cometido um erro e pediu desculpas, mas o homem fez questão de que recebesse uma oferta, dizendo-lhe que estava muito agradecido.

— Pastor, minha esposa morreu há mais de um mês e, desde então, nem eu nem meus filhos conseguíamos falar sobre o assunto. Depois de seu sermão, chegamos em casa e finalmente começamos a falar. Nos abrimos e pudemos, pela primeira vez, chorar juntos, recebendo do Senhor uma graça maravilhosa.

Ouvi esta história do próprio Rev. Dr. Francisco Leonardo, em uma aula de um curso sobre liderança pastoral. Aprendi que Deus faz maravilhas a despeito de nós. Ele é especialista em produzir bênçãos mesmo a partir de algumas de nossas falhas mais humilhantes. Ele é Deus, somos servos por ele amados, supridos e graciosamente usados. Daí a necessidade de continuarmos dependendo dele. Ele é o Deus que opera apesar de nós.

Rev. Misael. Publicado no Boletim 025.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Ao navegar neste site, você aceita os cookies que usamos para melhorar sua experiência. Mais informações.